Caneca de inox

Na minha casa tinha uma caneca de inox, antiga, com o fundo levemente amassado, num dos lados, deve ter tido alguma queda. Queimava o leite ao ferver, mas fazia o mingau de maisena inesquecível da infância.

Na falta de uma sobremesa, tínhamos a alternativa de dois sabores. Hora leite com maisena e açúcar, ora leite com chocolate meio amargo (sim chocolate, aquele dos frades) maisena e açúcar, mas havia uma coisa inalterada, o gostinho queimado ao fundo.

Imagina esse mingau, comido, inúmeras vezes, em dias frios lentamente, – relíquia de recordação.

Raramente, minha mãe cozinhava, apenas em situações especialíssimas. Fazia o sarrabulho de Natal (segundo os entendidos uma delícia, feita do sangue do peru morto, para ser assado e consumido na ceia). Confesso que nunca tive coragem para experimentar. O mingau era uma das suas especialidades, repetido toda semana.

Sabor de infância, daquelas saudades inatingíveis. Ficou lá, perdido em algum lugar, algum recanto largado, junto com a caneca, deixada para trás, nas mudanças da vida.

Tem sabores da vida que não se consegue repetir. O mingau queimadinho, da caneca amassada, está guardado, ainda sinto o aroma e o sabor.

Bem estar – A comida que conforta

canja

Eu tenho várias comidas para diferentes momentos! Lembro de ter lido um livro,  Não é Sopa, da Nina Horta, que me marcou profundamente, mesmo sendo sobre comida, tinha receitas, mas não era o objetivo principal.

A Nina reuniu uma série de crônicas sobre comidas,  numa delas falava sobre comidas que confortam. Comida de feira, que ela traduz como perversa, a indiana, a austríaca, que me identifiquei por ser muito parecida com a da minha avó. A de funerais, um dos capítulos mais instigantes. Outro é sobre comida para apaixonados. Vale a pena ler…

Eu guardei com muito carinho esse sobre a comida que nos dá um bem estar danado.  Meu marido me faz uma canja deliciosa quando não me sinto bem ou adoeço, é a da foto acima, quem não se sentiria melhor com um prato feito com tanto carinho?!

Quando estou com frio vou para cozinha e faço um mingau, coisa de criança mesmo. Quem não lembra das comidas de família?! São as que mais nos tocam. A Rita Lobo fará a próxima temporada de seu programa sobre comidas de família, começou com gemada!

Me conta aí, qual é a comida que te conforta?!