Falta (AF)

Voltei a dedilhar

Sinto a falta do todo

Falado, prometido, entendido

Admito acordar

Sem jamais dormir

Na transgressão,

Merecido realizar.

Saudade indefinida!

No dia a angústia

Apertada no peito

O tempo há de vir

Junto com a esperança

A noite reconforta.

Poesia de Adrianafetter