Fondue de queijo

Que delícia de receita para os dias frios…

  • 500g queijo prato,
  • 200g queijo emmental ou gruyére;
  • 500g creme de leite fresco;
  • meia taça vinho branco;
  • cebola e alho (à gosto);
  • noz moscada (à gosto).

Refogar a cebola e o alho (ralados, para desaparecerem no creme), adicionar o vinho, deixar ferver, adicionar o creme de leite, deixar aquecer bem, derreter os queijos no creme, mexendo sempre,se quiser, adicionar noz moscada. (receita by Mateus Fernandes – meu filho)

Servir com pão, torradinhas, com o que der vontade de comer!

Pão de queijo na forma

Nasci no Rio Grande do Sul, há 35 anos nunca tinha ouvido falar de pão de queijo, não existia, até abrir uma casa de lanches naturais na minha cidade, a Tafona, foi lá que comi o meu primeiro.
Depois conheci Brasília e aí me apaixonei por essa delícia gastronômica, tinha de todos os tamanhos, vários tipos de receita, tudo feito a mão, até que o mercado fez uma revolução em nossas vidas e lançou aquele congelado prontinho para assar.
Agora é um pãozinho que deixou de ser mineiro para ser brasileiro.
Esta receita especialmente eu fazia em forminhas de empadinhas, principalmente para a minha mãe servir em seus chás da tarde, quando ainda era uma novidade, quentinho, delicioso.
Numa forma de furo em forma de bolo é incrivelmente bom e fácil de fazer.
Coloque no liquidificador nessa ordem:
  • 1 xícara de de leite
  • 1 xícara de de óleo
  • 3 ovos
  • 3 xícaras de polvilho doce
  • Sal a gosto
O queijo só vai depois dos outros ingredientes batidos:
200 gramas de queijo picado ou ralado (minas, muçarela, parmesão, o de sua preferência, mas tem que derreter fácil…)
óleo para untar a forma
uma forma de furo
 Bata tudo no liquidificador, depois coloque o queijo e dê umas 2 pulsadas para integrar aos outros ingredientes. Leve ao forno médio em uma forma de furo untada, por mais ou menos 25 minuto, tem que estar dourado em cima.
Não esqueça do café coado na hora. Hummm, me convida!

Um café da manhã diferente – Pancho Vila

PANCHO VILA, não tenho a menor idéia de onde saiu esse nome, só sei que é assim…
Não deu tempo de ir ao supermercado, está cansada, mas quer fazer algo especial?

Tem ovo, tomate? E azeite e queijo? Um restinho de orégano teria ainda?

Então vamos lá, vai sair um pancho vila! Se tiver um pãozinho para levar ao forno para ficar quentinho, será de lamber os beiços, rsrsrsrsrss, adoro!

  • 3 tomates fatiados em rodelas
  • 3 ovos
  • 4 fatias de queijo muçarela
  • 3 fatias de presunto ou algo do gênero (opcional)
  • orégano
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • sal à gosto
  • 1 frigideira

Aqueça o azeite na frigideira, acrescente os tomates cortados em rodelas e deixe refogar com o azeite até ficarem macios, tempere com sal e orégano. Bata 3 ovos rapidamente e jogue em cima, quando cozido coloque o presunto, o queijo e abafe por 3 minutos para derreter o queijo, em fogo bem baixo.

Desligue o fogo, agora é só pegar o pão quentinho e se deliciar!

Sábado é dia de dicas – Caixa Colonial

A proposta é a seguinte, você se inscreve na caixa colonial e o pessoal de lá envia para você, todos os meses, os produtos coloniais, de uma determinada região do país.
Recebi os meus no início de julho, vieram de Santa Catarina, palmito, geléia de vinho, muss de banana e melado, biscoito apimentado com queijo, e provolone defumado. Todos deliciosos!
Muito legal, eles vêm enrolados numa toalha xadrez, super fofo.
A proposta é divulgar o trabalho dos pequenos produtores rurais do nosso país, então não fica barato como se você comprasse direto na feira, mas é uma ótima oportunidade para prestigiar um excelente produto.
Eu gostei muito!

Contatos da Caixa Colonial:
Caixa Colonial
https://caixacolonial.club/